Como encontrar o equilibrio na nossa vida?

Tudo na vida reside no equilíbrio das coisas. Essa é uma das coisas que tenho aprendido. A vida é um constante aprender a equilibrar. Como andar de bicicleta. E é aí que reside a beleza, a paz e arrisco a dizer, a verdadeira felicidade.

Mas como encontrar o equilíbrio na nossa vida? Por onde podes começar?

Não existe uma fórmula mágica para encontrar o equilíbrio na nossa vida (do género receita instantânea de "mousse de equilibrez") mas existem pequenas dicas que nos podem ajudar a começar.

  • Já começaste! - A boa notícia é que já começaste. Todos nós já conseguimos caminhar no sentido do equilíbrio em algo na nossa vida. Pensa naquele momento em que começaste a sentir-te conscientemente feliz, confortável e identificada com uma situação. À medida que vais experimentando esse sentimento em relação a algo, estás a ir no bom caminho.
  • Aceita as dúvidas, elas são normais! - duvidar faz parte do ser humano. Aceita e utiliza essas dúvidas de forma inteligente (porque nem todas são relevantes). Existem dúvidas do ego, que apenas estão ali para te atrapalhar e dúvidas da alma, que estão ali para te ajudar a encontrar o equilíbrio e a evoluir enquanto ser humano.
  • Experimenta os extremos - não é regra, mas às vezes precisamos do extremo para conseguir o equilíbrio. Ao experimentares algo com algum exagero, consegues ter melhor percepção dos extremos e decidir qual o meio termo que te faz sentido.
  • Só tu é que conheces o teu equilíbrio - nem o teu pai, mãe, melhor amigo, psicólogo ou cão sabem qual é o teu equilíbrio. Eles até te podem ajudar (e muito!) mas só tu o conheces de verdade. E por ser algo tão único, não há volta a dar, tens de o descobrir por ti!
  • O equilíbrio não é algo constante, ele evolui contigo -agora que sabes que até já começaste a encontrar equilíbrio na tua vida, não deites foguetes a pensar que podes estar prestes a encontrar o equilíbrio divino porque... simplesmente ele não existe! Tal como andar de bicicleta, em que tens de pedalar para te manteres equilibrado, o mesmo se aplica no equilíbrio da vida.
  • O teu ponto de equilíbrio pode mudar - ao encontrares o ponto de equilíbrio numa área da tua vida, deves agradecer e sentir orgulho por teres chegado tão longe no processo de auto-conhecimento. Mas nada dura para sempre, por isso, aceita a evolução natural das coisas, aquilo que hoje pode ser o teu ponto de equilíbrio, amanhã pode não ser - por isso, não pares de pedalar e está predisposto a seguir novos caminhos.
Encontrar o equilíbrio é uma tarefa exigente e um desafio constante, que vamos executando ao longo desta fantástica aventura que é viver.  Nem sempre é fácil encontrar o equilíbrio, mas quando se consegue, é fantástico e sente-se "Woh, é mesmo isto!"

Eu já passei por momentos de caos e momentos de lucidez. Depois de achar que era bipolar, entendi que vai ser sempre assim. Os meus pontos de equilíbrio são dinâmicos e o segredo está em saber escutar e aceitar a nossa natureza evolutiva.

Photo via Unsplash

Comentários