3 livros que marcaram a minha vida

3-livros-que-marcaram-a-minha-vida

Apesar do prazer que me dá, tenho de confessar que não sou daquelas pessoas que lê muitos livros. Vou lendo alguns durante o ano, mas acabo por consumir muito do meu conteúdo online (talvez porque estou muito ligada ao digital, inclusive em termos profissionais).

Seja como for, por muitos formatos e dispositivos eletrónicos que existam, faço questão de ler livros físicos, porque nada substitui o ato de folhear páginas, deitada no sofá ou na cama, acompanhada por uma caneca de chá ou café. 

E hoje, gostava de partilhar com vocês 3 livros maravilhosos que me tocaram de forma muito especial.

3 livros que marcaram a minha vida
elizabeth-gilbert-comer-orar-e-amar

#1 Comer, orar e amar . Elizabeth Gilbert


Sinopse -  Aos 34 anos, Elizabeth Gilbert, escritora premiada e destemida jornalista da GQ e da SPIN, descobre que afinal não quer ser mãe nem viver com o marido numa casa formidável nos subúrbios de Nova Iorque e parte sozinha numa viagem de 12 meses com três destinos marcados: o prazer na Itália, o rigor ascético na Índia, o verdadeiro amor na Indonésia.

Porque é que me marcou - este é, sem dúvida alguma, o meu livro favorito. Já o reli diversas vezes e, por ser um romance muito focado no desenvolvimento pessoal da protagonista, a cada leitura descubro sempre algo novo, porque também eu estou a auto-conhecer-me. Além disso, o livro fascina-me porque vai muito encontro aquele que é o meu lema de vida (e deste blog) "Be Happy, Be Bright, Be You". A coragem de sermos quem nós somos, e da vida nos compensar com esse ato de bravura.

Mais sobre o livro - https://pt.wikipedia.org/wiki/Eat,_Pray,_Love


#2 O Zahir . Paulo Coelho
paulo-coelho-o-zahir

Sinopse -
 O protagonista de 'O Zahir' é um autor de renome internacional, casado há 10 anos com Esther, uma jornalista bem-sucedida. Um dia Esther desaparece e as autoridades decidem interrogar o marido. Ele não tem as respostas, mas, pouco a pouco, começa a questionar a própria existência. E depressa percebe que, para ter a mulher de volta, tem de auto-conhecer e tornar uma pessoa melhor.


Porque é que me marcou - este livro atordoou-me quando o li. A escrita é bastante densa e debate, não só, a temática do desenvolvimento pessoal mas também questões filosóficas e de crítica à sociedade (riqueza e ostentação). A história tem tanto de densa como de deslumbrante. É uma fábula contemporânea que encerra uma lição de vida. E fez-me questionar: o que é realmente importante? O que preciso de largar para me aproximar do que é essencial? E o que posso melhorar em mim para que o essencial não desapareça?

Mais sobre o livro - https://pt.wikipedia.org/wiki/O_Zahir


#3 Alegria . Osho


osho-alegria
Sinopse - Segundo Osho, a alegria é um sentimento pleno e contagiante que aumenta quando compartilhada. Quando estamos contentes, passamos esse contentamento para os outros em todos os momentos de nossa vida. É a dimensão espiritual da felicidade, que nos leva a compreender o nosso valor intrínseco e o papel que nos cabe neste universo. Portanto, ao aceitarmos a alegria, tomamos a decisão de "seguir com o fluxo" de sermos gratos pela vida e por todos os desafios e oportunidades que ela nos traz. Deixamos de impor condições ou de fazer exigências para sermos felizes.

Porque é que me marcou - li este livro no inicio do ano, numa altura em que uma situação externa me fez passar por enormes mudanças interiores. Ler este livro foi de tal forma desconcertante que impulsionou, em mim, um ponto de viragem. 
Além disso, este livro levou-me a redefinir o meu conceito de "felicidade". Felicidade deixou de ser um estado de euforia momentânea e passou a ser antes um estado de alegria e paz. Algo que se constrói a cada dia, a partir de dentro. Esta redefinição está também, cada vez mais presente, na escrita deste blog.

Mais sobre o livro - https://shop.osho.com/pt/livros/discursos-de-osho/alegria  


Não queria terminar o post sem lembrar a importância de consumirmos livros de uma forma consciente e ecológica. Recorrer às versões digitais ou audio CD, pedir emprestado, comprar e emprestar ou revender ou comprar em segunda mão são algumas das opções para uma leitura mais sustentável.

E tu? És viciada em livros? Qual o que mais te marcou?  E qual o que estás a ler neste momento? Conta-me, quero saber :)


Photo by Annelies Geneyn on Unsplash

Comentários

  1. Eu gosto muito de livros, gosto imenso de pegar, folhear... é muito bom :)
    Mas agora, se tiver uma pessoa amiga que me empreste não compro, só mesmo se achar que vale a pena ter :)
    Gosto destas tuas escolhas Sofia, já ouvi falar muito do primeiro, mas nunca li nenhum dos 3. Ficam na lista ;)
    Beijinhos grandes e bom fim de semana :)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário