Resoluções de novo ano: estás a aproveitar o caminho?

Ter objetivos, definir metas, desenhar planos é muito importante, pois é através deles que estruturamos e damos forma aos nossos sonhos e desejos.

Sobretudo em alturas como esta, em que se encerram ciclos, é comum dedicarmos algum tempo a refletir sobre o ano que passou e a traçar novas resoluções. Mas como muitas dessas resoluções acabam por nunca passar do papel ou concretizar-se, damos por nós a ficar frustradas.

A verdade é que existe uma obsessão com a concretização dos objetivos, metas e planos definidos nas resoluções de novo ano.

E isso impede-nos de deixar espaço para a vida acontecer e de realmente aproveitar o caminho.

Conseguimos ser tão obstinadas e impacientes. Focamos no chegar - onde, como, quando, porquê - e escapa-nos a beleza do processo.

Falo por mim.

É difícil incluir nas resoluções do novo ano o aproveitar a viagem independentemente do resultado, aceitar os imprevistos e as reviravoltas da vida, alterar objetivos à última da hora, redefinir prioridades ou desistir de sonhos.

E porquê? Porque nos tira algo de que gostamos muito: ter controlo sobre a nossa vida. E aceitar o inesperado, sair da zona de conforto, abraçar o desconhecido... mete medo.

Mas é no espaço entre o querer e o conseguir que a vida acontece.

E é importante estares desperta para isso. Não resumas o teu ano ao atingir da meta. Aprende a realmente saboreares o caminho.

Por isso, se em 2017... 
... aquele objetivo traçado ainda não foi alcançado, vê o quanto já cresceste enquanto pessoa. Podes ainda não ter chegado lá, mas estás, sem dúvida mais perto;
... desististe daquele sonho, lembra-te da coragem que foi preciso para largar o que já não te servia mais. Está grata pela tua consciência e pela vontade infinita que tens de te reinventares e criares novos sonhos;
...aquele plano que não aconteceu, talvez tenha sido mesmo pelo melhor. Existem tantos outros melhores à tua espera, se lhe deres uma hipótese.

Em 2018, desejo que concretizes muitas das tuas resoluções. Mas desejo, sobretudo, que te delicies com o caminho, seja ele planeado ou não. 😊

Photo by Chris Lawton on Unsplash

Comentários

  1. Que lindas e inspiradoras palavras minha querida!
    Revejo-me tanto nelas!

    Beijinho enorme

    ResponderEliminar

Enviar um comentário